Como pagar menos impostos pela sua empresa

Como pagar menos impostos pela sua empresa

A pergunta que não quer calar: como pagar menos impostos? Hoje você vai ter sua resposta. Quando se tem uma empresa, é fácil sentir que paga impostos demais. Afinal, há tributos em quase todas as transações. Contudo, é possível pagar menos encargos dentro da lei. Vamos dar algumas dicas para que você converse com os responsáveis pela contabilidade de sua empresa para ver o que é viável.

Como pagar menos impostos: regime tributário

Primeiro de tudo, é preciso saber se sua empresa está no regime tributário mais adequado. São três opções: Lucro Real, Lucro Presumido e Simples Nacional. Nenhum deles é melhor que o outro. Eles existem para que as empresas paguem o mínimo de impostos possível. Contudo, é preciso que a empresa esteja dentro do regime tributário correto.

Antes de definir o melhor modelo para sua empresa, faça um planejamento tributário. Nele, é interessante levantar as seguintes informações: expectativa de receita bruta, despesas operacionais e trabalhistas, margem de lucro e histórico da empresa. Interpretar esses dados permite definir com mais sabedoria o regime tributário.

Organização é tudo

Ter todos os processos organizados e documentos centralizados ajuda e muito. Como? Quando tudo está em ordem, não se atrasa pagamentos. Empresas que não prezam pela organização costumam não ter comprometimento com a data de vencimento dos pagamentos e, ainda, existe certa negligência à quitação de impostos. Ou seja, você pode ser acusado de sonegação, quando a grande questão era falta de ordem.

Outra dica é sempre verificar a alíquota. Esta se refere ao percentual de impostos sobre o valor de algo tributado. Durante a cotação de preço, confira se o produto adquirido não ultrapassa os 40% de seu conteúdo em importação.

Como pagar menos impostos na sua remuneração

Como sócio, a sua remuneração vem em forma de pró-labore, que é obrigatório e está sujeito a impostos mensais, assim como a CLT. Uma técnica prevista por lei, é de baixar o valor pró-labore. Deixe que este alcance o valor mínimo. Com isso, você paga menos em impostos. A remuneração, neste caso, pode vir por meio de lucro distribuído, o qual não é obrigatório e não há impostos envolvidos. É preciso, contudo, que a empresa tenha lucro.

Além disso, dividir a empresa pode ser uma opção. Dependendo do tamanho da companhia e dos processos exercidos, é possível dividi-la em empresas menores. Assim, cada uma delas estará em um regime tributário mais atraente.

Legislação tributária ao seu lado

Dentro de sua empresa, é essencial que tenha alguém sempre de olho nas atualizações de legislação tributária. Encargos deixam e passam a ser obrigatórios. O que acontece é que algumas empresas podem continuar pagando impostos que já não são mais mandatórios. Por esse motivo, se você acha que está gastando dinheiro demais, vale checar as leis do mercado que seu negócio está inserido. Às vezes, algo mudou. Se esse for o caso, é preciso entrar em contato com um advogado tributarista. Ele fará a solicitação formal para que o governo devolva o dinheiro pago.

Não dá para fugir completamente dos impostos. Contudo, pagar menos impostos é possível. Procure opções viáveis e legais de fazê-lo. Tome cuidado para se manter sempre dentro da lei. Precisando de ajuda, converse com um especialista.